Em Grajau, restos mortais encontrados podem ser de cabeleireiro desaparecido

Restos mortais, além de vários objetos como roupas, botas, um capacete e boné foram encontrados às margens da BR-226, em Grajaú, nessa quinta-feira (10).

Principalmente pelas características dos elementos espalhados próximos aos ossos, a polícia acredita que podem ser do cabeleireiro Antônio Flávio Maciel, de 34 anos, desaparecido desde dia 30 de maio da cidade de Sítio Novo.

A perícia recolheu todo o material, e a família confirmou que os pertences encontrados na área são de Flávio.

O cabeleireiro saiu de moto da cidade de Sítio Novo há mais de uma semana para comprar outro veículo em Grajaú e nunca mais foi visto. As últimas imagens dele foram registradas por uma câmera de segurança em que ele aparece levando um homem na moto e sua motocicleta foi encontrada abandonada em Grajaú.

A família criou uma hashtag nas redes sociais mobilizando as pessoas a unirem forças cobrando justiça no caso e celeridade nas investigações.

A polícia já ouviu algumas pessoas, inclusive um primo de Flávio apontado pelos parentes como o homem que aparece nas imagens carregado por ele. O caso segue sendo investigado pela Polícia Civil de Sítio Novo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *